Aviation News Releases – Picture of the Day


Aviation News Releases ® – Latest Headlines

.

English (ANR Global) and Portuguese (ANR Brasil) Editions in Alternate Days

Edições em Inglês (ANR Global) e Português (ANR Brasil) em Dias Alternados

Embraer é certificada para treinamento de manutenção pela EASA

Click here for more news / Clique aqui para mais notícias

KLM Cityhopper, da Holanda, é o primeiro cliente a participar do programa

São José dos Campos, 9 de novembro de 2009 – A Embraer foi certificada pela European
Aviation Safety Agency (EASA) como uma Organização para Treinamento de Manutenção
(Maintenance Training Organization – MTO) pelo regulamento Parte 147. O certificado é
válido para os quatro E-Jets da família EMBRAER 170/190 – EMBRAER 170,
EMBRAER 175, EMBRAER 190 e EMBRAER 195, com capacidade de 70 a 122 passageiros.

O primeiro cliente a ser treinado pela Embraer, a KLM Cityhopper, uma subsidiária regional da
KLM Royal Dutch Airlines, da Holanda, iniciou o programa no mês passado.

“Como uma Organização para Treinamento de Manutenção certificada pela Parte 147 da
EASA, podemos agregar mais valor aos nossos clientes em termos de experiência e
conhecimento técnico sobre as aeronaves que projetamos”, disse Simon Newitt, Gerente
de Treinamento ao Cliente da Embraer. “Estamos honrados em ter a KLM como nosso
primeiro cliente de E-Jets a receber este treinamento certificado.”

Os cursos para os E-Jets podem ser realizados na sede da Embraer em São José dos
Campos, interior do Estado de São Paulo, ou nas instalações dos clientes em todo o mundo.

O programa de treinamento da KLM Cityhopper está sendo realizado na sede da companhia
aérea no Aeroporto Schiphol (AMS), em Amsterdã, e terá duração de cerca de um mês.

“A oportunidade de ser treinado diretamente pela Embraer tornará a experiência do
aprendizado ainda melhor. Nossa grande vantagem é contar com o profundo conhecimento e
experiência da fabricante sobre a aeronave, sua operação e manutenção, trazidos para a sala
de aula pelos instrutores”, disse René Kalmann, Diretor de Serviços Técnicos e
Desenvolvimento da Frota da KLM Cityhopper. “Além disso, a conveniência de realizarmos
os cursos em nossas próprias instalações elimina custos e adiciona flexibilidade ao
programa, que pode ser customizado para melhor atender às nossas necessidades.”

A Embraer pretende oferecer cursos de treinamento para outras aeronaves por meio do programa de certificação MTO da EASA. Para mais informações sobre todos os cursos oferecidos, entre em contato pelo telefone +55 (12) 3927 7541 ou e-mail training@embraer.com.br.

Fonte: EMBRAER


Embraer participa do Dubai Air Show 2009

Click here for more news / Clique aqui para mais notícias

Empresa exibirá os jatos executivos Lineage 1000, Legacy 600 e Phenom 100

São José dos Campos, 9 de novembro de 2009 – A Embraer participará do Dubai Air Show 2009 (www.DubaiAirShow.aero), que será realizado entre os dias 15 e 19 de novembro, no
Aeroporto Internacional de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos (EAU). A Empresa promoverá
toda a linha de jatos comerciais para o mercado de companhias aéreas, incluindo a família
ERJ 145, com capacidade de 37 a 50 assentos, e a família EMBRAER 170/190 de E-Jets, com
70 a 122 assentos. Os jatos executivos Lineage 1000 e Legacy 600, das categorias ultra-large e
super midsize, serão mostrados na área de exibição estática, juntamente com o Phenon 100, da
categoria entry level, que estreará no Oriente Médio.

Duas coletivas de imprensa serão realizadas pela Embraer durante o evento, ambas na Sala de
Conferência 4, no dia 15 de novembro. A primeira, dedicada aos jatos executivos, será às 15
horas, e a segunda, voltada para a aviação comercial, terá início às 16 horas. Profissionais
credenciados da imprensa estão convidados para visitar o Estande A6 da Empresa.

A Embraer é a maior fabricante mundial de jatos comerciais de até 120 assentos, oferecendo
a tradicional família de jatos regionais ERJ 145 e a moderna família EMBRAER 170/190 de
E-Jets. Tais aeronaves oferecem às companhias aéreas regionais, grandes empresas e
operadoras de baixo custo muita flexibilidade, bem como baixo consumo de combustível,
menor emissão de poluentes e grande economia em todo o mundo. Cerca de 900 jatos
regionais da família ERJ 145 estão em operação em todo o mundo e mais de 600 E-Jets foram
entregues, dos quais aproximadamente 40 para clientes no Oriente Médio.

O novo e amplo portfólio de jatos executivos da Embraer é composto pelo Phenom 100,
Phenom 300, Legacy 450, Legacy 500, Legacy 600, Legacy 650 e Lineage 1000, das categorias
entry level, light, midlight, midsize, super midsize, large e ultra-large. O Legacy 600 entrou em
serviço em 2002, marcando a estréia da Embraer no mercado de jatos executivos. Mais de 20
Legacy 600 estão atualmente em operação na região do Oriente Médio. O Lineage 1000 é o
maior jato executivo produzido pela Embraer e o primeiro avião foi entregue em maio passado
para HE Aamer Abdul Jalil Al Fahim, de Abu Dabi, nos EAU. Estes fatos mostram a
importância da região para o setor. Em outubro de 2009, o novo Legacy 650 foi anunciado na
Convenção e Encontro Anual da Associação Nacional de Aviação Executiva (National Business
Aviation Association – NBAA) dos EUA, em Orlando, Estado da Flórida. O Phenom 100 tem
mais de 50 jatos em operação e o Phenom 300 será certificado até o final de 2009.

Fonte: EMBRAER


Helibras discute as perspectivas para o Brasil

Click here for more news / Clique aqui para mais notícias

Presidente Eduardo Marson Ferreira será um dos executivos que debaterão o tema com o governador de Minas Gerais Aécio Neves, em São Paulo, na próxima segunda-feira (9)
“Uma nova perspectiva para o Brasil” é o tema do debate que reunirá na próxima segunda-feira, dia 9, em São Paulo, o governador de Minas Gerais Aécio Neves (PSDB-MG) e 29 representantes de grandes empresas. O presidente da Helibras (Helicópteros do Brasil), Eduardo Marson Ferreira, será um dos debatedores no evento, que é promovido pelo Grupo de Líderes Empresariais (Lide).

 

 

“Minha expectativa é que o encontro proporcione uma estimulante troca de idéias sobre o futuro do país”, afirma Marson. “O governador é uma liderança importante e certamente terá muito a dizer sobre as possibilidades oferecidas pelo Brasil para ampliar o seu desenvolvimento econômico e social.”

 

 

O debate acontecerá das 12h às 14h30, durante almoço que será realizado no Renaissance São Paulo Hotel, na Alameda Jaú, 1.620 (esquina com a Rua Haddock Lobo), Cerqueira César.

Fonte:  Helibras


Presidente da Infraero visita Aeroporto do Cariri e anuncia investimentos

Click here for more news / Clique aqui para mais notícias

O Aeroporto Regional do Cariri/ Orlando Bezerra de Menezes – localizado no município de Juazeiro do Norte (CE) – receberá melhorias como novos equipamentos e instalação de módulos operacionais provisórios (uma espécie de terminal itinerante) para garantir mais conforto aos passageiros no embarque e desembarque. Emergencialmente, uma das primeiras ações será a mudança de divisórias da sala de embarque que vai permitir a ampliação da área em torno de 40%. E, até o final do ano, a esteira de restituição de bagagens será substituída por uma maior.

O anúncio foi feito na última sexta-feira (6/11) durante visita ao aeroporto do presidente da Infraero, Murilo Marques Barboza, e equipe técnica da estatal. O grupo fez uma vistoria no terminal e levantou necessidades na infraestrutura aeroportuária. A programação incluiu um encontro com a bancada política da região para tratativas dos investimentos por parte do governo do Estado e da Infraero.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Atualmente o aeroporto é administrado pela estatal, mas não pertence à União, situação que faz com que haja necessidade de aporte de recursos das duas partes. “Depositamos na sua pessoa, presidente, toda a confiança para superar as dificuldades. Quero reconhecer desde já os trabalhos feitos pela Infraero. Acreditamos que, com o apoio da bancada, vamos conseguir recursos para ampliação do aeroporto”, disse o prefeito de Juazeiro do Norte, Manoel Raimundo de Santana. Em seguida, o vice-prefeito, Roberto Celestino, expôs o pleito da bancada em relação ao Aeroporto do Cariri.

Olhar no futuro

Uma apresentação do superintendente de Operações da Infraero, Marçal Goulart, mostrou as possibilidades de investimentos em curto, médio e longo prazos, focando as etapas da ampliação emergencial, segundo estudo de capacidade desenvolvido pela empresa. “Uma das principais preocupações dos elos interessados no desenvolvimento do aeroporto é a manutenção de áreas destinadas ao crescimento da pista, terminal de passageiros e sistema viário. Nosso interesse é ter o sitio aeroportuário em condições de atingir sua capacidade máxima”, avalio Marçal.

Ao final, o presidente da Infraero lembrou a importância da parceria com a Prefeitura na questão do desenvolvimento do acesso viário e ressaltou o compromisso com o futuro: “Após resolvermos os impasses burocráticos anteriores, vamos olhar para frente. Não podemos ter uma visão imediatista, mas para 15, 20 anos”, afirmou Murilo. A visita também foi prestigiada pelo ministro do Superior Tribunal Militar, Olympio Pereira da Silva, e acompanhada pelo assessor especial da presidência, Ivan Gonçalves.

Assessoria de Imprensa Infraero
imprensa@infraero.gov.br

 


Compra de pó químico e LGE reforçam combate a incêndio em aeroportos

Click here for more news / Clique aqui para mais notícias

A Infraero abriu processo de licitação para compra de 46,7 mil quilos de pó químico e 111,1 mil quilos litros de Líquido Gerador de Espuma – LGE que serão utilizados no abastecimento de 253 veículos de combate a incêndio em aeroportos. O prazo de entrega é de 30 dias, após a emissão da ordem de fornecimento.

O material, cujo valor está estimado em R$1,6 milhão, será distribuído em vários aeroportos da rede Infraero e servirá para complementar os estoques de reserva técnica e ainda substituir produtos cuja validade está próxima do vencimento. A durabilidade do pó químico é de cinco anos. No caso do LGE, o prazo de validade varia de 15 a 20 anos. A definição das quantidades mínimas de reserva desses produtos é estabelecida de acordo com a categoria do aeroporto por meio de legislação específica e fiscalização da ANAC.

Segundo informações do Coordenador de Habilitação Técnica e Salvamento, Fernando Menezes, que é bombeiro e empregado da Infraero, em casos de incêndios em aeronaves é necessária a aplicação desses dois agentes extintores para debelar as chamas nos diversos materiais combustíveis envolvidos neste tipo de ocorrência.

Assessoria de Imprensa Infraero
imprensa@infraero.gov.br